Vamos viver mais com menos…

blog2Oi gente linda e cheia de brasilidade, como vão todos vocês? Sejamos positivos e vamos pensar em abundância que coisas boas sempre chegam até nós, não é mesmo?!? Pois hoje é mais ou menos por aí que vamos ficar. Vocês já pararam para pensar na quantidade de informação que recebemos todos os dias? Seja no rádio, na TV, pelas redes sociais, pelos jornais, pelos anúncios impressos que permeiam nosso caminho durante a jornada de trabalho…Gente, é muita informação! É muita mensagem nas entrelinhas, muita propaganda estilo “compre aquilo que você necessita mas que na verdade não te servirá de nada, mas mesmo assim compre”, muita gente se exibindo de forma desnecessária, muita informação negativa, algumas sinceramente me pergunto por quê foram repassadas adiante; mas apesar de sermos engolidos por uma enxurrada de informação, o conteúdo desta informação é em sua maioria inútil ou pouco funcional.

Será que para ser feliz eu preciso realmente ser uma pessoa de posses: ter o carro do ano, a “bolsa-tendência-do-momento”, me vestir como uma vitrine de grife, ter o cabelo que 99% da sociedade brasileira  dos “bem-sucedidos” têm, ser CEO de alguma empresa multimilionária e postar fotos das férias de verão passadas na Europa? Será mesmo? Quando foi que nos ensinaram que para ser feliz precisamos TER e não SER? blog3

Nascemos sem absolutamente NADA, apenas uma vontade imensa de aprender e ir adiante e assim aprendemos a andar, falar e a fazer tudo com a ajuda daqueles que nos amam. Com o tempo aprendemos o sentido das coisas, o valor das pessoas e a agradecer por tudo o que nos foi dado. Mas acontece que no meio deste caminho de aprendizado, às vezes nos deixamos contaminar por mensagens com conteúdos totalmente superficiais e que desvalorizam o sentido do que realmente importa na nossa vida. Então ao contrário de reclamarmos que não temos o carro do ano, agradeçamos às pernas que nos levam para onde quisermos; ao invés de desperdiçarmos nosso dinheiro com artigos que trarão apenas uma satisfação momentânea, façamos algo produtivo para alguém que pouco ou nada tem, seja um pão, um abraço ou uma palavra de conforto, porque este tipo de satisfação será muito mais plena do que a outra; ao invés de perdermos nosso tempo nos contaminando com mensagens negativas, sejamos simples ao ponto de enxergarmos a beleza e a bondade no meio do caos, porque sempre há luz na escuridão, o problema é a nossa cegueira seletiva.

blog4

Não cabe a mim julgar o certo e o errado nas coisas e nas pessoas, afinal de contas eu também erro, mas o que quero dizer é que a vida de uma forma mais simples é muito mais leve! A simplicidade é saber enxergar o valor das coisas, das pessoas e do tempo; é perceber que estar na companhia das pessoas que amamos vale muito mais que aquela bolsa que você tanto sonha, porque a bolsa não estará lá para te ouvir quando precisar de ajuda, nem vai gargalhar com você dos momentos triviais do dia a dia. O que é mais importante na sua vida: um relógio ou o tempo? De que adianta TER o relógio se já não tivermos mais TEMPO para aproveitar a vida? Saibamos valorizar o que realmente importa.

Claro que conforto é sempre bom, mas devemos ter cuidado para não nos tornarmos escravos de um estilo de vida que não é o nosso. Acredito que este tipo de comportamento um tanto “superficial” é o resultado do tipo de informação que recebemos diariamente e da forma que processamos esta informação. Já perceberam a quantidade de anúncios que nos fazem querer comprar algo que não precisamos mas que achamos que precisamos porque “todo mundo tem e eu preciso ter também”, seja isso um celular, um batom, uma viagem ou um livro? Temos que aprender a selecionar esse tipo de informação e dizer a nós mesmos:”eu não preciso disso para ser feliz”. Para alguém que trabalha com a Imagem pessoal e com o universo da moda, isso não é nada fácil, mas tento me manter centrada em valorizar a “essência” e não a “embalagem”.

blog1

Acho que este post ficou um tanto “reflexivo” rs; mas tive vontade de escrevê-lo porque neste universo das redes sociais onde todo mundo é muito feliz e onde tudo gira em torno do TER senti necessidade de fazê-los pensar no verdadeiro sentido das coisas. Afinal de contas, não precisamos TER nada para sermos felizes, precisamos apenas SER e saber agradecer todos os momentos que nos fazem rir, chorar e aprender cada vez mais. Precisamos ser mais nós mesmos, viver nossa própria vida, sermos felizes com o corpo que temos, rir das nossas próprias piadas, aprender com nossos próprios erros e valorizar mais as pessoas e não “coisas”, porque a vida é para ser vivida e não ensaiada ou fotografada tal qual um editorial de moda ou o feed da nossa rede social. Gente…ser feliz é simples, nós é que complicamos a vida tentando ser o que não somos. Então sejamos mais leves e libertemo-nos de tudo àquilo que não é necessário ou que nos faz sofrer.  Vamos viver mais com menos! Você vem comigo????

Espero que tenha feito você refletir um pouquinho e que tenha ajudado-o a abrir os olhos para as coisas mais simples da vida. Se você gostou deste post, deixe um like e não esqueça de se inscrever no blog para ficar por dentro de tudo o que acontece por aqui. Uma ótima semana e até o próximo post…

4 comentários sobre “Vamos viver mais com menos…

  1. Solange 7 de novembro de 2017 / 00:40

    Linda reflexão parabéns, possamos viver assim, será muito mais fácil e feliz.

    Curtir

  2. wiliam 7 de novembro de 2017 / 12:21

    Continuemos semeando o amor por onde formos, e passando o conhecimento para todos.
    Aos poucos as pessoas irão sentindo que a solução para todos seus problemas estão em seu interior!

    GRATIDÃO!

    Curtir

    • Fernanda Ramalho 10 de novembro de 2017 / 00:31

      Exatamente! Está tudo dentro de nós mesmos é só abrirmos os olhos e enxergarmos o quanto a vida é bonita e merece ser vivida sem pressão, sem neurose, sem estresse e sem tudo o que nos impede de sermos felizes com o que temos e somos. Beijo enorme e muita luz…

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s