Demaquilante bifásico da Neutrogena

limpa

Você é daquelas que sai impecável, com a make perfeita, o cabelo lindo e o sorriso estampado…Mas quando a festa acaba e você chega em casa parece que a cama te engole e você acaba dormindo maquiada? Minha amiga…meus pêsames! Você está maltratando a sua pele a nível master e sem motivo, porque o que não falta no mercado nos dias de hoje é produto para retirar a maquiagem. Vem comigo que te explico…

Eu adoro maquiagem, mas todas sabemos que por mais elaboradas e tecnológicas que as maquiagens sejam hoje em dia, elas podem sim acabar maltratando a nossa pele porque o excesso de maquiagem em contato com a pele pode entupir um poro, deixar a pele mais oleosa, ocasionar cravos e espinhas ou aquelas bolinhas bem pequenas de massa. Mas se você cuidar direitinho do pós maquiagem, nada disso acontece! E é exatamente por isso que estou aqui hoje para te mostrar um produto bem legal que estou usando e adorando e o melhor de tudo…é bem acessível!

Vocês conhecem a marca Neutrogena? A Neutrogena começou como uma empresa cosmética fundada por Emanuel Stolaroff em 1930 em Los Angeles e a princípio não tinha este nome, era Natone; após o grande sucesso do sabonete chamado Neutrogena (inventado em 1954), ela passou a se chamar Neutrogena 8 anos mais tarde. Em 1994 a Johnson & Johnson acaba comprando a Neutrogena e ela chega ao Brasil somente em 1996. E posso falar uma coisa para vocês: vale a pena experimentar. Já testei vários produtos da marca e além de gostar muito da qualidade acho legal saber que são recomendados por dermatologistas.

Hoje vou focar apenas no demaquilante. Já usei a loção demaquilante, os lenços que retiram a maquiagem e o demaquilante bifásico e é sobre este último que falarei aqui. Testei este demaquilante após chegar de um casamento onde fui super maquiada e lembro-me de estar bem cansada neste dia; mas ao retirar a make tive uma grata surpresa. Eu nem tinha visto que tinha usado este demaquilante pois como estou sempre comprando marcas diferentes para experimentar, não tinha me dado conta de que se tratava do Neutrogena bifásico, mas ao passar no rosto já notei que era potente. Foi então que percebi qual demaquilante estava usando.

neutrogena2

A maquiagem apesar de pesada, saiu todinha sem muito esforço e rapidamente. Com alguns produtos você perde horas da sua vida retirando a sua make (apesar de adorar maquiagem, acho muito chato ter que retirá-la depois), mas o que a gente não faz em nome da beleza e da saúde da nossa pele não é mesmo?!? Eu não só consegui retirar tudinho sem ficar nenhum resíduo (porque alguns produtos deixam resíduo após retirar a make) como a pele respondeu bem ao produto (como ele é bifásico, a tendência é ficar levemente oleosa) e eu só precisei lavar o rosto bem de leve para retirar a oleosidade restante. Mas lavado o rosto…pele linda e macia!

Eu já estou no meu segundo frasco e portanto posso afirmar que ele rende bem, o que aumenta mais ainda o meu amor por ele! Além de bom, tem boa durabilidade e um precinho camarada! Acho que depois disso tudo vale a pena você testar também!

Se você gostou deste post, deixe um comentário aqui no blog ou uma dica, sugestão/crítica. Vou adorar responder! Não se esqueça de se inscrever no blog para ler em primeira mão os posts. Uma ótima semana e uma pele linda sem resíduos! Beijos mil…

 

Anúncios

O poder do batom vermelho

red lips

Vou confessar uma coisa para vocês, eu adoro batom vermelho! Mas nem sempre foi assim. Sabe aquela cor que você sempre olha e nunca, jamais se identifica? Pois é…esta é a minha relação com a cor vermelha: simplesmente detesto vermelho. Eu adoro cores porém quando o assunto é cor em mim…já sou mais básica, na medida do possível. Gosto de me aventurar de vez em quando e numa destas aventuras pelas terras do batom vermelho, não é que peguei amor?!?

A vida tem destas surpresas. Eu sempre via as makes com batons vermelhos e achava puro poder; andava nas ruas e quando avistava alguém de batom vermelho já pensava: que corajosa! Indiretamente eu “sentia” a força/poder do batom vermelho para uma mulher. E eis que em um belo dia resolvi testar um batom vermelho durante uma viagem; passei-o e ao me olhar no espelho tal foi meu espanto pois tinha ficado DIVINO! Por incrível que pareça o batom vermelho casou super bem com o meu tom de pele e daquele dia em diante, quando quero me sentir poderosa ou quando estou super confiante…só penso no batom vermelho.

Mas o problema é que tudo depende da nuance da cor, ou seja, do tom do seu batom vermelho. Minha pele é clara com um subtom levemente amarelado, por isso, os batons vermelhos mais “abertos” ou levemente alaranjados não ficam muito legais em mim, já os tons mais “fechados”, levemente escuros ficam beeeeem bonitos. Mas como você vai saber se o tom combina com você? Realmente, não tem mistério…você terá que testar o batom em você, porque a cor que você nota na bala do batom, pode ficar diferente quando aplicada diretamente nos lábios, portanto para se ter certeza que a cor fica bem em você, é essencial o teste na boca. Mas para te ajudar um pouquinho no tom de vermelho a escolher, é legal dar uma boa lida no quadro abaixo.

dicas red

Eu sei que muitas pessoas torcem o nariz para testar os produtos nelas mesmas; eu mesma tenho um certo “nojinho” de testar aqueles batons que ficam no mostruário, até porque milhares de bocas passaram por ali e você nem sabe se alguém tinha alguma doença (sim, sou muito neurótica com isso), mas eu sempre limpo as balas dos batons com um lencinho/papel antes de aplicar em mim ou solicito à atendente um aplicador descartável (quando a loja disponibiliza). Feito isso, é só experimentar até encontrar um que lhe caia perfeitamente. Mas vá sem medo de ser feliz, pois se esta for sua primeira tentativa você estranhar e não se sentir muito à vontade, mas não se deixe levar por este medinho bobo…Saia da loja e veja como você se sente poderosa sob o efeito do batom vermelho.

Eu tenho alguns batons que Amo de paixão. O meu primeiro batom vermelho está comigo até hoje e apesar de já não ser o meu preferido, sou um pouco apegada a ele e vez ou outra ainda o uso. Alguns batons já sairam de linha, e eu comprei logo 2 iguais para não ficar sem (perceberam meu amor pelo batom, não é?)! Meu batom vermelho preferido é um batom líquido e apesar de adorar a cor nos lábios, tem que repassar vez ou outra pois ele sai mais facilmente; meu batom preferido é o Giorgio Armani cor 400, eu AMO muito este batom e eu não dava nada por ele até testá-lo. Fica lindo!

batom red

Os batons líquidos são mais fáceis de passar mas requer uma certa habilidade porque se você borrar, nem adianta tentar consertar com um papel…terá que usar um bom demaquilante, e se o batom líquido em questão for da marca Lime Crime…todo cuidado é pouco porque até com demaquilante bifásico este batom é difícil de sair! Ufa! Já os batons em bastão ou em lápis são mais práticos, porém geralmente saem com mais facilidade, a não ser que estejamos falando dos batons matificados, estes duram mais tempo nos lábios, porém antes de passá-los, é uma boa ideia usar um primer de lábios ou hidratante pois eles deixam os lábios com aspecto de ressecados, mas eu adoro este tipo de batom!

red liquido

Já testaram algum batom vermelho poderoso? Conta aqui como foi e qual o seu batom preferido. Aproveita e se inscreve no blog para ler em primeira mão os posts. Uma boa semana e muito luxo, poder e sedução com seu batom vermelho! ;-*

 

Aulas de Make com a MAC

macpro
Foto: Thiago Justo – Vogue Brasil
Vocês já devem saber que AMO maquiagem e sou makeup artist também, mas o que talvez vocês não saibam é que eu adoro fazer cursos de maquiagem para melhorar e me manter sempre atualizada com as novidades do mercado. Afinal de contas, quem fica muito tempo parado em um mesmo lugar ou em uma mesma técnica…acaba ficando para trás ou virando lenda! E é justamente por este motivo que eu sempre que posso faço um curso ou workshop de maquiagem. Mas desta vez, tentei fazer diferente; como eu já tenho noção de como me maquiar, levei comigo a minha irmã para que ela me contasse se realmente vale a pena para uma pessoa leiga em maquiagem fazer estes cursos. Em tempos de crise, só vale a pena desembolsar uma grana com cursos se o curso for realmente sério,  porque existem muitos lugares oferecendo cursos de auto-maquiagem e que na verdade não agregam valor algum e só servem para desperdiçar seu tempo e dinheiro. Mas no nosso caso, foi diferente. O curso ao qual me refiro são os cursos de maquiagem ministrados pela MAC Brasil. Gente…Se joguem!

A MAC na qual fizemos o curso foi a do VillageMall na Barra da Tijuca no RJ. Esta MAC é diferente das outras porque é uma loja da MAC PRO. Mas o que isso quer dizer? Bem, a MAC todos já conhecem, mas a MAC PRO quer dizer: professional, ou seja voltado para profissionais da área de maquiagem; sendo assim, além dos inúmeros itens de maquiagem que você encontra em todas as lojas da marca, há também aqueles que são voltados para profissionais como por exemplo alguns pigmentos, máquinas de airbrush e outra centena de itens. Estes cursos sempre são ofertados através do instagram da MAC e do shopping Village Mall (se você estiver interessada, pode começar a seguir os dois), mas você também pode se informar em qualquer loja física da MAC e eles te darão as informações necessárias. Uma vez sabendo das datas e dos módulos (contorno e iluminação, esfumado dos olhos, etc) você precisa agendar seu horário e pagar o valor do curso (que geralmente dura 2h ou mais) e o mais legal é que todo este valor pago no curso você reverte em produtos. Adoro isso! É um ótimo jeito de aprender na prática e depois adquirir os produtos utilizados no curso.

img_4454
Maquiador em ação

Fomos no módulo contorno e iluminação e este módulo foi ministrado pelo top maquiador da MAC Thiago que é uma simpatia e muito competente. A aula acontece em uma sala anexa à loja e logo que você se senta já te oferecem água ou espumante (para maiores de 18, ok?) para seu conforto e mimo. Além disso, há um bloquinho para fazer suas anotações durante a aula ou, caso prefira, pode acompanhar também pelo aplicativo da MAC todo o passo a passo da aula (você necessita de uma senha para o app que só é dada aos alunos destes cursos) tudo muito bem explicadinho! Conforme o makeup artist vai maquiando a modelo, você vai visualizando (tem até um telão para ver melhor) e depois reproduz em você mesma, utilizando os mesmos produtos e pincéis. É sempre bom mencionar que cada aluno tem seu conjunto de pincéis oferecido pela MAC durante a aula, ou seja, você não precisa levar nada e todos os pincéis são prontamente higienizados. Como cada pessoa tem um tom de pele diferente, há sempre outra maquiadora para te oferecer exatamente os produtos específicos ao seu tom de pele, então você já sai da aula maquiada de verdade.

A aula é bem dinâmica e bem explicadinha, mesmo que você não saiba nem como segurar o pincel, confia em mim…eles te ensinarão. No final da aula, já maquiada e linda, você ganha um brinde da MAC; desta vez foi uma necessaire para guardar suas makes que vinha em uma caixinha muito linda. Fotos e brindes distribuídos, você parte logo para a troca do valor do curso/aula em produtos. Eu como não sou boba nem nada, fui anotando tudo durante a aula e no fim, adquiri os produtos que mais gostei da make que foi ensinada na aula. Minha irmã não só adorou a aula como também aprendeu a fazer uma make bem bacana e de quebra, trocou pelos produtos que ela  mais gostou. Eu posso até ser suspeita para falar, mas vindo da irmãzinha (que não é viciada em maquiagem) acho que dá para confiar mais ainda quando digo que vale o investimento. Se você também não sabe se maquiar direito, estas aulas podem ser uma ótima pedida. Uma dica boa é: nunca jogue fora as embalagens vazias e já terminadas das makes da MAC porque juntando 6 embalagens você troca por um batom. Observe que não é a embalagem/caixa de papel preto que me refiro e sim as embalagens/potes dos produtos, ok?!?

Por hoje é isso gente linda, volto na próxima com mais dicas. Se você gostou deste post, inscreva seu email para ler em primeira mão os posts. Se quiser deixar um comentário, dica, sugestão ou crítica, fique à vontade! Bom domingo, boa make e uma ótima semana para vocês!

Shoppeando no RJ

Este mês mal começou e eu já aviso que as fast fashions (Renner, Zara, Forever 21, etc) estão de babar! Fui “caminhar” no shopping descompromissadamente e quase morri ao entrar na Zara; achei que tinha adentrado mundos celestiais tal foi o deslumbramento com algumas peças (sim, tenho tendência a dar uma dramatizada nas coisas kkk), posso dizer para vocês que…muitas peças chaves neste verão 2017 já estão bombando nas vitrines e araras e olha…algumas peças estão com preço bem honesto!

Para as pessoas que querem se jogar nas trends deste verão sugiro adquirir algumas peças, mas sempre mantendo a moderação. Antes de comprar, analise se você se sentirá confortável usando a peça em questão, observe a peça atentamente para ver se está em bom-estado, se vale o preço pedido (nem sempre vale, às vezes é qualidade é péssima e não vale o investimento), se faz parte do seu “estilo” de vestimenta, se vai te valorizar e se você pode realmente comprar, ou seja, se o item não vai estourar seu orçamento (Imagina comprar uma sandália de pompons caríssima que você achou linda na vitrina, comprou por impulso após parcelar em 12 vezes sem juros e que você acha que não faz muito o seu estilo e por isto só usará quando a “Lua entrar na casa de Saturno”?!?). Ninguém merece pagar caro em algo que no fundo você usará  raramente. Por isso, antes de sair comprando, temos que pensar se vale o investimento e nos perguntar: eu preciso disso? eu vou usar isso? Porque assim, se as respostas forem afirmativas, sabemos que não agimos por impulso.

Mas se você realmente pretende entrar na vibe de verão, sugiro começar pelos acessórios. Eles estão lindos! Muitos brincos de acrílico, inspiração geométrica, alguns pompons para deixar tudo mais divertido (só cuidado para usar apenas um detalhe com pompom porque senão você vai parecer o Patati Patatá), palha, crochê, macramé, sapatos com alguma “bossa”, sandálias flatforms, tênis com brilho, patches nas bolsas, enfim..se joga!

Separei aqui algumas peças que acho que valem ficar de olho pois certamente já são/serão sucesso garantido! Vamos começar pelos pompons? Os pompons começaram com Karl  Lagerfeld com o seu Karlito para a Fendi algumas estações atras, mas a moda pegou e dura até hoje. Para o verão parece que permanecerá firme e forte e vou confessar…Adorei! Acho que fica um colorido legal e dá um ar divertido ao look.

Eu já me joguei nesta trend. Garanti minha sandália fofa e divertida da…Zara Kids! Sim, eu uso Zara Kids já que meus pézinhos são de princesa (calço 34) algumas sandálias da Zara Kids cabem em mim e ficam MARA! A sandália de pompom de couro custa R$279,00, já a bolsa azul (também tem na cor vermelha) sai a R$239,00 e tem alça de metal dourada. A sandália da Zara Kids com pompons coloridos custa R$189,00 e foi a minha escolha nesta trend.

Estas bijoux lindas de viver encontrei na Renner e realmente elas dão uma levantada em qualquer visual. Mas novamente friso que: bom senso no uso do pompom é sempre bom, já que brinco de pompom, colar e pulseira de pompom com bolas e sandália de pompom usados ao mesmo tempo, apesar de serem tendência ficarão carregados demais, então opte por apenas um detalhe e seja feliz! Os acessórios variavam de R$ 39,00 (colar longo com pompom), R$59,00 (pulseira) a R$79,00 (maxi colar de pompons).

Já falei que o lurex veio com tudo? Pois é…você os encontra nas mais variadas interpretações: de moletons de lurex a vestidos de lurex e confesso: apesar de achar meio anos 80, até que algumas peças ficam muito legais. Ainda não entrei de cabeça nesta trend.

Este vestido de lurex mostarda é um bapho! A foto não conseguiu captar a beleza do vestido, mas por ser de lurex e marcar tudo, o corpo tem de estar lindo senão revela tudo aquilo que você quer esconder. A saia não é bem lurex, na verdade ela é de purpurina bem Madonna em Like a Virgin, mas já adianto que cai purpurina feito uma praga! Mas eu fiquei apaixonada por ela! O moletom é estiloso apesar de não parecer na foto, mas claro, não esquenta nada! O vestido sai a R$189,00, já a saia maravilinda a R$159,00 e o moletom, absurdos R$249,00. Tudo da Zara.

Os tênis já estão bombando faz tempo, né?!? Mas a vibe do momento é ter um detalhe diferente que salte aos olhos. Pode ser um brilho, um bordado, uma renda, adesivos (patches), enfim…tem que se destacar!

Neste meu passeio pelo shopping fiquei vidrada em alguns modelos. Este dourado da Zara já garanti para mim. Ele é confortável demais e deixa o look super moderno. O prateado é quase espelhado e faz a maior diferença no pé, fica muito legal. Parece ser super confortável também. Este jeans com imitação de patches está muito divertido e só não comprei um para mim porque não tinha um par 34 (difícil ter o pé pequeno, muita sofrência heim), mas ele é muito lindo!!!! Se alguém encontrar um par 34 por aí me avisem urgentemente! Precisokkk! O modelo dourado da Zara sai a R$169,00, já na Renner o prateado custa R$139,00 e o modelo jeans da Zara sai a suados R$199,00.

Vocês conhecem a blogueira e milionário Chiara Ferragni? Não? Pois bem, trata-se de uma blogueira italiana que iniciou seu blog em 2009 em Milão e conseguiu fazer dele um negócio de 8 milhões de dólares anuais, empregando até 14 pessoas e se converteu na única blogueira a aparecer na lista das 30 pessoas criativas menores de 30 anos da revista Forbes. E além disso, Chiara tem uma linha de sapatos há dois anos onde o maior sucesso são estes slip on glitterizados da foto acima. Mas por quê estou falando disso? Simples: quem não tem  Chiara, caça com a Renner! Enquanto o modelo original com glitter custa a bagatela de mais de R$1600 reais, na Renner você consegue um modelo mais simples, com um “Chiara feelings” por módicos R$159,00. É ou não é uma boa? Eu curti!

A tendência do ombro a ombro veio para ficar neste verão e realmente fica com um ar de frescor. Outra tendência forte já a algumas estações são as flatforms: sandálias/oxfords com o salto de borracha bem aparente e reto (flat), quase uma plataforma. Na foto acima as três sandálias (prata, preta e nude) são da Sapatella e uma ótima alternativa para quem quer estar na moda sem gastar muito já que custam apenas R$59,90 cada; ao lado a sandália flatform com o salto mais alto também é da Sapatella e custa R$89,90; já a fofíssima sandália de abacaxis é da Renner e sai por R$ 169,00 (muito linda esta sandália), o oxford flatform prateado é da Zara, mas por R$199,00 ele pode ser todo seu!

flatform

Quem iniciou toda essa febre das flatforms foi a querida estilista Stella Maccartney com seu lindo e desejado oxford Elyse (1) de couro com solado de borracha e madeira (que aqui no Brasil sai por míseros R$4.250,00 – pausa para enfartar com o preço); a partir daí todas as vitrines tinham o mesmo sapato, cada uma com sua interpretação do oxford de Mrs. Maccartney. O modelo da Schultz (2) que lembra bastante o da estilista inglesa custa R$480,00; já a Arezzo fez o seu modelo jeans com palha no solado e por R$359,00 ele pode ser seu; a Zara não ficou de fora na onda das flatforms e nesta sandália MARAVILHOSA (4) ela se superou e sai por R$299,00 (infelizmente não a encontrei no tamanho 34 o que me deixa na sofrência sem fim kkk) .

Outra trend que eu particularmente achei bem interessante são as ballerines misturadas com ar moderno/punk, enfim, com outra roupagem. As ballerines nada mais são que sapatilhas de balé usadas no dia-a-dia mas com uma bossa. A Miu Miu trouxe essa ideia para os desfiles, fez o maior sucesso lá fora (estão esgotadas na gringa) e também aqui no Brasil (apesar de custarem “apenas” R$4.215,00); desde então as versões “genéricas” começaram a pipocar por aí. A Zara não perdeu tempo e fez logo a sua. A ballerine simples da Zara sai por R$199,00 e a moderninha da foto ainda não chegou aqui, mas na Zara gringa ela custa U$$ 69,00 (dólares). Nem preciso dizer que aguardo ansiosamente este modelo de couro chegar no Brasil para agarrar o meu né kkk?!?

Já falei que as bijoux da Renner estão de babar né? Se ainda não falei, estou falando! E o melhor de tudo…estão com preços bem bacanas. Eu achei os brincos com inspiração geométrica muito bonitos e bem elegantes e a shocker bronze com fios pendurados que balançam conforme o caminhar me ganharam em cheio! Os brincos com acrílico e madeira estão muito DIVA no melhor estilo: “Oi eu sou rica e passo o verão em Saint Tropez”; mas se você ainda não passa o verão em Saint Tropez (meu caso! kkk), pode adquirir estes brincos a partir de R$32,90 e o colar/shocker por R$45,90. Um arraso!!!

Bem gente linda, por hoje é só, mas agente se encontra nos próximos posts! Ah…se você gostou deste post, quer dar alguma dica ou sugestão, ou até mesmo fazer uma crítica, não deixe de comentar. Vou gostar muito de falar com você! Aproveite e inscreva seu email no blog para ler os posts em primeira mão. Bye bye e muitas compras…

 

Limpando seus pincéis

No post passado eu falei sobre pincéis: diferentes tipos, funcionalidade de alguns, algumas marcas de pincéis que são boas e como começar seu kit. Hoje falarei sobre a limpeza dos seus pincéis. Porque a limpeza de um pincel é muito importante para a vida útil do mesmo, mas a verdade é que nem sempre as pessoas dão muita importância para esta parte, às vezes passam meses usando um pincel sem nem ao menos, limpá-lo semanalmente (tsc tsc tsc). Isso é um erro gravíssimo!

Mas vamos logo ao que interessa: porque eu preciso limpar o pincel? Muito simples: você precisa limpar o seu pincel primeiramente por questões básicas de higiene, ou você quer correr o risco de ficar com alguma alergia no rosto causada pela sujeira do seu pincel? Acredito que não, né?!? Além disso, quando o pincel é utilizado por um longo período sem ser higienizado, há um acúmulo de produto no mesmo e esse excesso de produto pode “carregar” sua maquiagem e por último, mas não menos importante, é necessário limpar o pincel para que você mantenha a vida útil dele, já que ao usá-lo diariamente de forma incorreta e sem limpá-lo, a vida útil dele diminui sensivelmente pois as suas cerdas começam a se soltar (às vezes até grudam na make) e isso faz com que as outras cerdas fiquem mais expostas e ele vá “abrindo” no meio tal qual uma flor desabrochando. Enfim..já era o seu lindo pincel! Para você não passar por todo este sofrimento (imagina pagar mais de 300 reais em um pincel e ele estragar?), vou contar aqui como fazer para limpá-los e guardá-los.

Pois bem, existem no mercado (tanto nacional como internacional) inúmeros produtos usados para a higienização de pincéis. Eu mesma tenho vários e toda semana utilizo um diferente. limpador-de-pincel

Os produtos que mais utilizo são estes da foto acima:

  1. Makeup Brush Cleaner da marca Cinema Secrets. Essa marca é de Los Angeles  e é MARAVILHOSA e muito comum entre os makeup artists já que ela é voltada para maquiagem profissional. Portanto você encontra com mais facilidade em feiras de maquiagem. O higienizador de pincéis da Cinema Secrets é muito bom! Ele tira todo o produto e ainda deixa um cheirinho maravilhoso nos pincéis. Super recomendo! O detalhe chato é a parte do preço, pois por ser uma marca de maquiagem profissional, o preço não é popular. Mas se você quiser investir em bom produto…Se joga porque ele vale cada centavo gasto!
  2. Solução higienizadora de pincéis da Marina Smith. Esse produtinho você encontra facilmente na Sephora, é um produto brasileiro e digo: é muito bom! Comprei para experimentar e fiquei bem surpresa com a qualidade. Recomendo de olhos fechados e pra te conquistar de vez, além de bom, o preço é bem em conta!
  3. Brush cleaner da NYX. Essa marca é internacional e é bem popular lá fora, mas já é vendida aqui no Brasil. Eu comprei e testei este higienizador de pincéis da Nyx quando fui na Makeup Show em NYC e achei muito bom e o melhor de tudo é que o preço é bem amigo. O chato é que não tem loja da Nyx aqui no Rio de Janeiro, mas dá pra comprar pelo site (que é muito bacana) os outros produtos da marca, mas…infelizmente esse higienizador ainda não tem aqui no Brasil, só lá fora mesmo.
  4. Blender Cleanser da Beauty Blender. Este na verdade, não é um higienizador de pincéis e sim um higienizador de esponja, mais precisamente da Beauty Blender (aquela esponjinha em formato de cone que uso para o corretivo). Eu comprei este produto também na feira de maquiagem em NYC e foi razoável o seu preço; na verdade eu comprei só um frasco sem esperar muita coisa deste produto e me arrependi! Porque o produto é maravilhoso. Ele tem uma válvula que ao apertar sai a quantidade certa para limpar a esponja e fica limpinha mesmo. Super recomendo, mas também não vende aqui no Brasil.

Existe uma infinidade de outras marcas mas como só utilizei estes acima, preferi só falar dos produtos que já experimentei. Agora que você já sabe os produtos que uso para limpar os pincéis, você precisa saber como limpá-los, ok? Bem…para higienizar um pincel você tem de ser delicada para não danificar as suas cerdas; então nada de esfregar com força o pincel heim! Mas e se você tiver que limpar hoje/agora/neste momento os seus pincéis e você não tiver nenhum tipo de produto para isso?  Neste caso vou te dar duas dicas: você pode usar o shampoo Johnson’s baby (aquele amarelinho) para limpar os seus pincéis com água morna ou você pode fazer uma mistura de : 1 colher de sopa de azeite de oliva com 1 colher de sopa de shampoo de bebê.

Depois de misturar os dois, você deve banhar as cerdas do pincel úmido nesta mistura  e passar o pincel delicadamente em uma superfície de diferentes texturas até sair toda a “sujeira”. Existe uma luva da marca SIGMA muito utilizada para esta higienização;  infelizmente esta luva é cara, mas se você quiser investir, você pode encontrá-la no site da Sigma ou no Amazon. Agora, eu não vou mentir para você, acho a luva cara demais e resolvi experimentar com uma “luva genérica” e deu muito certo! Então se você quiser gastar pouco, eu recomendo comprar estas luvas de silicone (do tipo que usamos para cozinha) e você as encontra em qualquer loja de utilidades domésticas; eu comprei a minha por míseros 5 reais.

Depois de “pincelar” as cerdas na luva de silicone é só lavar com água morna, tirar o excesso de água do pincel passando-o em um papel toalha e pôr o pincel para secar em um ângulo de 30º para que escorra qualquer líquido existente. Em ambos os casos, o passo-a-passo do enxágue até a secagem é o mesmo.

Vale lembrar que os pincéis precisam de cuidados básicos e o modo como você os guarda também é importante! Nunca guarde um pincel com as suas cerdas para baixo, pois vai amassá-las e deformar o pincel, também evite deixar os seus pincéis em ambientes úmidos como o banheiro, porque também estraga o pincel e além disso, o banheiro é um ambiente onde circulam muitos “germes” e imagine todos esses germes em contato com o seu lindo pincelzinho e depois “passeando” pelo rosto…Imaginou?!? Pois é..Então coloque seus pincéis em um ambiente arejado, sem umidade e limpo e seja feliz! Boas pinceladas por aí…

 

Veste Rio 2016

img_3577

Gente, hoje resolvi falar da minha experiência no Veste Rio deste ano. Para quem não sabe, o Veste Rio é um evento dedicado à Moda, que começou dia 19/10 e vai até o dia 22/10 na Marina da Glória, com palestras, oficinas, outlet, espaço gastronômico e feira de negócios voltado para compradores e lojistas. Vale ressaltar que é uma realização da Vogue e do Caderno Ela que conta com o apoio e patrocínio de diversas empresas. Para quem se interessa por Moda é sem dúvida alguma, um evento muito interessante. A entrada é gratuita e além de poder conhecer todo o espaço, comer em alguns dos vários food-trucks que estão no evento e fazer compras no outlet, você também pode curtir os shows que acontecem sempre às 21h. É ou não é imperdível?

O outlet – que conta com a presença de 41 marcas, como Farm, Ateen, Mara Mac, Lenny Niemeyer, Cecilia Prado entre outras, é legal mas pode melhorar. Alguns stands realmente valem a pena, já em outros não se encontram muita peças interessante e como é outlet, é sempre bom lembrar que algumas peças podem apresentar defeitos, então antes de pagar, observem bem se a mesma está em perfeito estado.

Mas vou confessar que o que mais me chamou atenção neste evento, foram as palestras! As palestras são ministradas por grandes nomes da Moda brasileira e são pagas; você tanto pode adquirir o ingresso pelo site ingresso certo, como também pode comprar lá mesmo. Eu fui a duas palestras e gostei muito! Os temas das palestras são bem diversificados e acredito que interessem não somente aos amantes do universo da Moda, como também ao público em geral. Ontem, dia 20/10, assisti a palestra “Celebrity x influencer: como o negócio funciona e o que as grifes ganham com atrizes e influencers endossando seus produtos”, com mediação de Lilian Pacce e Silvia Rogar e a participação de Alice Ferraz (FHits), Julia Perez (Iorane), Gian Barbera (iFruit), Vander Martins (Skazi), Juana Ferreira (Magrella), Anderson Baumgart e Piny Montoro. Além da palestra ter sido muito esclarecedora e atual, já que reforçou mais uma vez a importância das redes sociais e desta nova mídia, a Natura ofereceu um mimo (iluminador marmorizado muito bonito) a todos os participantes da mesma. E para fechar com chave de ouro, teve o lançamento do livro “Bikini made in Brazil” de Lilian Pacce, do qual já garanti meu exemplar devidamente autografado!

Hoje, o tema da palestra foi: “O que fazer para trabalhar na Vogue?” e contou com a presença de Daniela Falcão (diretora editorial das Edições Globo Condé Nast), Silvia Rogar (editora-chefe da Vogue) e Barbara Migliori (diretora de Moda da Vogue); esclarecendo tudo o que é preciso ter para trabalhar na Vogue e como funciona a dinâmica das semanas de Moda e todo o universo da Moda; nem preciso dizer que ADOREI, né?!?

img_3585

Então gente, não percam tempo, visitem a Veste Rio. Aproveitem para fazer umas comprinhas e curtir a vista maravilhosa da Marina da Glória. E se for para te convencer de vez a ir, amanhã tem palestras imperdíveis gratuitas e show da cantora Tiê. Aproveitem logo porque ela acaba amanhã!